As mulheres no mercado de energia solar

as-mulheres-no-mercado-de-energia-solar

O empoderamento feminino é um dos grandes destaques sociais dos últimos dois séculos. Mas que adquiriu mais força e representatividade nas últimas décadas, explorando eficientemente a noção de direitos iguais para ambos os gêneros.

Assim, não é segredo que, ainda que o mercado de energia solar esteja se espreguiçando e testando os limites de suas possibilidades, as mulheres empreendedoras podem entrar com força nesse nicho. Afinal de contas, o que não falta é oportunidade neste segmento.

Da oferta de produtos à instalação de painéis solares, a demanda é alta e a procura por mão de obra especializada também. Por isso, o post de hoje vai fazer um interessante paralelo entre as mulheres e o mercado de energia solar, evidenciando que, como todos os outros, se trata de um ramo aberto a todos. Confira!

as-mulheres-no-mercado-de-energia-solar-1

A expansão do mercado de energia solar

Já falamos por aqui, do quanto o setor de energia solar está crescendo. Tanto no Brasil quanto mundo afora. Para se ter uma ideia da preferência por fontes de energia alternativa, os Estados Unidos registraram, em 2016, que mais energia solar foi instalada no país do que todas as fontes de energia juntas.

Dessa maneira, é importante entender que as atenções estão cada vez maiores nesse mercado e as oportunidades podem ser desbravadas por homens e mulheres.

Elas, inclusive, estão conquistando uma importante fatia de mercado. E temos dois bons exemplos que ajudam a mostrar o quanto elas estão explorando os benefícios da energia solar em prol de suas habilidades empreendedoras. Vamos ver quais são?

as-mulheres-no-mercado-de-energia-solar-2

A força das mulheres no setor de energia solar

Em novembro de 2016, por exemplo, a Rede de Mulheres Brasileiras Líderes pela Sustentabilidade foram até Brasília para discutir com o ministro do Meio Ambiente, Sarney Filho, um projeto de disseminação de energia solar.

A proposta visa levar 1 milhão de painéis fotovoltaicos, até o ano de 2030, a escolas, prédios públicos e diversas empresas, tendo sido bem acolhido durante o encontro.

A Rede de Mulheres, inclusive, cuja presidente é Iêda Novais, sócia-diretora da KPMG Brasil, destacou que, além de um mundo mais sustentável, o projeto também foca na inclusão de mais mulheres no mercado de trabalho. Uma ideia positiva, e que tem tudo para dar certo.

Inclusive, quando comparamos com outra notícia interessante sobre o assunto. É o caso de um curso de formação em instalações de sistemas fotovoltaicos, ocorrido em Porto Alegre e direcionado à capacitação de 12 mulheres.

A oficina foi realizada pela Young Energy, em parceria com a ONG Mulher em Construção, que tem como objetivo capacitar mulheres em diversos setores da construção civil.

Assim, diversifica-se ainda mais as possibilidades de inclusão profissional da mulher em um setor que pode acolher a todos, bastando a disposição para disseminar a energia solar.

O que não falta, portanto, são oportunidades. A ideia é que mais pessoas, daqui por diante, compreendam que a energia solar está em um momento de grande atenção e popularidade.

Quanto mais profissionais capacitados emergirem nesse mercado, mais rápida será a disseminação de painéis fotovoltaicos – ampliando também o conceito de sustentabilidade que ganhou forte apelo popular.

Dessa maneira, homens e mulheres podem competir, de maneira equivalente, pelas melhores oportunidades no mercado. Lado a lado, fornecedores ou concorrentes, visando oferecer os melhores produtos e serviços a uma demanda cada vez maior.

as-mulheres-no-mercado-de-energia-solar-3

Aumentando a representatividade de mulheres no setor de energia solar

Como deu para ter uma noção, as mulheres ainda estão explorando gradativamente outros nichos de mercado. E, sendo o setor de energia solar ainda um campo pouco explorado por todos, pode ser uma excelente alternativa imediata ou para um futuro próximo.

Por isso, que tal compartilhar este post em suas redes sociais e marcar as suas amigas de espírito empreendedor? Assim, elas ficam por dentro de um dos mercados com grandes expectativas de crescimento para explorar!

Oca Energia
Oca Energia
Fundada no ano de 2014, a Oca Solar Energia é uma empresa especializada em capacitação e treinamento em energia solar fotovoltaica. Somos extremamente preocupados com a qualidade e aplicabilidade dos nossos treinamentos, por isso em 2015 firmamos uma parceria com o SENAI que é referência em treinamentos técnicos. Parceria esta que vem crescendo e hoje atende vários estados no Brasil. Para os alunos que não conseguem fazer o curso presencial, oferecemos uma plataforma EAD com o diferencial de ter encontros ao vivo e proporcionar aos alunos integração com o instrutor em tempo real e otimização do seu processo de aprendizado. Além da parceria com o SENAI, contamos com grandes parceiros relacionados ao setor, como Genyx Solar Power (distribuidora especialista em energia solar), Clamper (referência no segmento de proteção contra raios e surtos elétricos) e Sil Fios e Cabos Elétricos (uma das principais empresas brasileiras de seu segmento). Com o intuito de difundir ainda mais a energia solar no Brasil e no mundo, nós da OCA promovemos os cursos e treinamentos especializados para capacitação e aperfeiçoamento pessoal e profissional, por meio de atendimento personalizado, entendimento das necessidades dos clientes, alinhamento de expectativas e transparência nas negociações.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *