Conta De Luz: cobrança de taxa extra entrará em vigor a partir de hoje!

Se você achou que em 2020 não teria mais surpresas…você errou! A Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL) anunciou já no 1º dia de dezembro que irá cobrar R$ 6,24 a mais a cada 100 kWh consumidos, na conta de luz.

Ou seja, indo em contrapartida há um comunicado dado em maio, de que não haveria cobrança extra em 2020 em razão da pandemia do novo coronavírus, a ANEEL voltou atrás.

Em outras palavras, a cobrança de taxa extra entrará em vigor ainda em 2020!!

conta de luz

De acordo com a agência, a oferta de energia está comprometida em razão dos baixos níveis dos reservatórios. Dessa forma, o mecanismo da bandeira voltou a ser necessário.

No entanto conforme o relator da proposta, Efrain Pereira da Cruz, tomou-se essa decisão porque o Brasil voltou aos patamares de consumo anteriores ao início da pandemia.

Seja como for, em uma reunião extraordinária, o orgão decidiu que irá cobrar uma taxa referente a bandeira vermelha patamar 2. O valor é o mais alto no sistema de bandeiras da agência. 

Quer saber como driblar essa situação? Continue a leitura porque esse blogpost foi feito para você!

A crise hídrica

Você deve estar se perguntando…

“O que a crise hídrica tem a ver com a situação de agora?”

A resposta é: “TUDO”.

“Mas isso não aconteceu há 6 anos?”

A resposta é: “SIM. Contudo, os reflexos dela estão aí até hoje!”

A crise hídrica resulta dos baixos níveis de água nos reservatórios. Nesse sentido, a falta de água, no Brasil, tornou-se mais grave a partir do ano de 2014.

As causas dessas crises não se resumem só à falta irregular de chuvas. Elas resultam de vários fatores. Por exemplo:

  • má gestão dos recursos hídricos
  • educação para um consumo racional de água,
  • uso de fontes alternativas aos reservatórios e controle de problemas ambientais, especialmente o desmatamento e a poluição.
  • Entre outros.

Onde queremos chegar…

conta de luz

A crise hídrica perdura até hoje e já podemos considera-la a pior da história!

Infelizmente, se gera a maior parte energia elétrica no Brasil, por usinas hidrelétricas. Assim, quando há pouca água armazenada, as usinas termelétricas podem ser ligadas com a finalidade de poupar a água dos reservatórios. Sendo assim, o custo de geração aumenta, pois essas usinas em sua maioria são movidas a combustíveis como: óleo combustível, diesel, etc.

Como resultado, para garantir que não falte energia no país, o governo federal por meio da ANEEL criou o Sistema de Bandeiras Tarifárias que você pode encontrar na sua conta de luz. E esse é o próximo tópico!

Entenda as bandeiras tarifárias

Em primeiro lugar, é importante citar que as bandeiras tarifárias passou a valer na sua conta de luz desde janeiro de 2015.

Sendo assim, as famosas bandeiras com as cores verde, amarela e vermelha, representam o custo da energia sempre de acordo com as condições de geração de eletricidade.

Dessa forma, avisa-se o consumidor sobre a cor da bandeira que estará em rigor, conforme definição da ANEEL.

Veja só:

conta de luz
Valores alterados pela ANEEL em 22/10/2019

De acordo com a ANEEL, criou – se o sistema para alertar os consumidores sobre o sistema energético, e para que tenham a consciência sobre o custo de energia. 

Você concorda ou não? Deixe nos comentários a sua opinião.

Como driblar as bandeiras tarifárias?

A resposta para essa pergunta é fácil. Energia Solar Fotovoltaica é a solução!

Usar lâmpadas econômicas, tomar banhos rápidos, fechar a torneira ao escovar os dentes, entre outras coisas, são algumas dicas que devem estar em nossa rotina. Contudo, às vezes, acabamos por esquecer.

Portanto, para quem realmente quer economia e não ficar à mercê das bandeiras tarifárias, instalar um sistema fotovoltaico é a melhor alternativa.

Uma vez em operação, um sistema solar traz uma série de benefícios de forma permanente.

Veja alguns deles abaixo!

1 – Economia e independência energética

conta de luz

A energia solar costuma gerar uma economia que varia entre 50% e 95% na conta de luz. Além disso, você fica isento dos reflexos de reajustes de energia.

De acordo com alguns estudos recentes, a crise causada pelo coronavírus vai criar um novo esqueleto para o setor elétrico, com impacto para os consumidores até 2025.

Enfim, diga adeus às bandeiras amarelas ou vermelhas que ocorrem nos períodos de estiagem, instalando um sistema fotovoltaico agora mesmo!

2 – Valorização do imóvel

conta de luz

Por ser uma tecnologia em ascensão no Brasil, imóveis com esse tipo de sistema passam por uma valorização imediata no mercado. Afinal, o proprietário acaba tendo gastos muito baixos com energia elétrica.

Conforme estudos recentes da Green Build Council Brasil, o imóvel sustentável pode ser valorizado em até 30%. 

Isso é decorrente principalmente pelo crescimento contínuo da procura por casas que estejam em comunhão com o meio-ambiente. 

3 – Seu dinheiro de volta!

conta de luz

O investimento feito para instalação de sistemas fotovoltaicos, na maioria das vezes, acaba sendo pago pelo dinheiro economizado com a redução de gastos. Ou seja, o famoso “tempo de payback“!!

Se fizermos uma estimativa nacional, o tempo de retorno do investimento, é de até 8 anos.

Portanto, como estes sistemas possuem mais de 25 anos de vida útil, perceba que, mesmo que o sistema fotovoltaico se pague em 8 anos, serão mais de 17 anos de energia gratuita! 

4 – Fácil instalação e manutenção

conta de luz
Curso de Instalação de Sistemas Fotovoltaicos Oca Solar Energia – Cuiabá/MT

Dependendo da complexidade e tamanho do sistema, em torno de 1 semana ele já estará instalado.

Por ser um sistema modular, ele pode passar por “upgrades”. Assim, você pode ampliar a capacidade do seu sistema solar a qualquer momento caso aumente a demanda de energia do local.

Além disso, os módulos duram em torno de 25 anos, apenas com a manutenção mínima, tanto preventiva como corretiva. Em suma, a chuva já faz boa parte da manutenção dos sistemas, lavando frequentemente a superfície os módulos.

De acordo com uma pesquisa realizada pelo Ibope Inteligência e encomendada pela Associação Brasileira dos Comercializadores de Energia (Abraceel), hoje 9 em cada 10 brasileiros querem gerar a sua própria energia limpa e barata.

Se você faz parte desse grupo, conheça mais sobre como funciona a energia solar. Peça um orçamento do seu sistema fotovoltaico e comece a economizar em sua conta de luz agora mesmo.

Considerações finais

Em conclusão, 2020 está sendo um ano de grandes surpresas não muito agradáveis para o bolso dos consumidores.

Contudo, a alta na conta de luz e o mal planejamento energético do país são problemas bem antigos.

A crise de energia no Amapá foi a prova de que está na hora dos governantes olharem mais para alternativas sustentáveis e inseri-las de uma vez por todas no planejamento energético dos próximos anos.

Também está na hora dos brasileiros investirem mais em tecnologias que permitem a produção da própria energia e ficarem mais independentes.

Se você quer dicas de como fazer isso, ouça o episódio 15, no canal Eletrotalks que fala sobre “Eficiência Energética”.

De acordo com o infográfico mais recente da Associação Brasileira de Energia Solar Fotovoltaica (ABSOLAR), hoje mais de 333 possuem sistemas solares fotovoltaicos conectados a rede.

Conforme o que a ANEEL projeta, em 2024, o Brasil terá em média 887 mil sistemas de energia solar (On Grid) instalados por todo território brasileiro.

Acostume-se, a economia sustentável é o “novo normal”!

Thuany Santos
Jornalista
(16) 3011 – 0547
Oca Solar Energia
Oca Solar Energia
Cursos | Notícias | Projetos | Serviços

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *