Oca Solar Energia

A geração distribuída (GD) no Brasil está a todo vapor e esta semana nos trouxe novidades!

De acordo com a Associação Brasileira de Energia Solar Fotovoltaica (ABSOLAR), essa semana a GD atingiu a marca histórica de 5 GW, no Brasil.

Assim, esse número significa que mais de 421 sistemas conectados e mais de 527 mil unidades consumidores já aproveitam os benefícios dos sistemas de micro e minigeração limpa e renovável, a partir do Sol.

Acima de tudo, a solar FV continua crescendo a passos largos em nosso País. Portanto, vamos conferir tudo, nas notícias em destaque da 2ª semana de março 2021.

Oca News: Confira o que foi notícia no Brasil e no mundo!

Antes de mais nada, é importante mencionar que segundo dados da Câmara de Comercialização de Energia Elétrica – CCEE, em fevereiro, o consumo de energia elétrica cresceu 1,8% em relação ao mesmo mês de 2020.

Esse aumento decorre, principalmente, de uma alta de 9,4% no Ambiente de Contratação Livre – ACL, que permite a escolha do fornecedor e a negociação de condições contratuais.

geração distribuída no Brasil

Já o Ambiente de Contratação Regulado – ACR, em que estão os consumidores de pequeno porte, que adquirem energia das distribuidoras, registrou queda de 1,6%.

Os números dão continuidade à série de aumentos expressivos apresentados pelo mercado livre desde agosto de 2020. As informações constam do Boletim InfoMercado Quinzenal da CCEE. Por fim, vale dizer que os resultados são preliminares e devem sofrer alterações.

Para saber mais acesse: https://www.ccee.org.br

Curiosidades

Assim como citamos no início do artigo, a GD já atinge milhares de pessoas. Desse modo, leva seus benefícios a residências, comércios, indústrias, produtores rurais, entre outros.

Agora, os contemplados da vez foram os sul-mato-grossenses.

A Energia solar vai levar eletricidade a 5.000 pessoas do Pantanal até 2022, com o projeto “Ilumina Pantanal”.

O secretário de Agricultura do Mato Grosso do Sul, Jaime Verruck, participou da solenidade e contou que o projeto surgiu da obrigação legal da universalização da energia elétrica e atenderá uma região do estado ainda desprovida.

Segundo ele, trata-se da maior iniciativa de energia limpa em um único bioma através de política pública. 

geração distribuída no Brasil

Ao todo, 2.167 unidades consumidoras serão beneficiadas pelo projeto. Espalhadas por uma área de 90 mil km², nos municípios de Corumbá, Aquidauana, Coxim, Ladário, Porto Murtinho, Rio Verde e Miranda.

Dessa forma, um grupo 77 famílias já foram atendidas por rede de distribuição convencional, e agora 2.090 serão atendidos por sistemas individuais cuja fonte de energia é solar.

Todos esses investimentos virão sem custos ao consumidor, que arcará apenas com a tarifa social. Muito legal né?

Geração Distribuída no Brasil: O que diz o novo texto-base do PL 5829

De antemão, vale dizer que a união de todo o setor solar permitiu mais um passo importante em prol da geração de energia limpa e sustentável no Brasil.

Assim, esse avanço se deu com a publicação de um novo texto-base do Projeto de Lei 5829, feita no começo desta semana pelo deputado Lafayette de Andrada, relator da proposta.

O projeto de lei, garante a micro e minigeradores de energia elétrica desconto de 100% em encargos e tarifas de uso dos sistemas de transmissão e de distribuição.

Nesse sentido, também vale para consumidores que solicitarem acesso às distribuidoras de energia, conforme regulamentação da Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL), até 31 de março de 2020. Caso contrário, o projeto prevê que o desconto será de 50%.

Os atuais micro e minigeradores continuarão sem pagar o encargo até 31 de dezembro de 2040. Esse desconto, entretanto, não se aplica aos custos de disponibilidade ou de demanda contratada.

A medida beneficia consumidores que geram a própria energia elétrica, sobretudo a partir de fontes renováveis (solar, eólica, biomassa). As regras enquadram microgeradores que geram até 75 kW de energia, e minigeradores, de 75 kW a 3 mil kW.

Saiba mais em: https://canalsolar.com.br e https://epbr.com.br

Em conclusão, aproveite a boa notícia e instale o seu sistema agora mesmo. Entre em contato com nosso setor de projetos e faça seu orçamento.

Orçamento para projetos de sistemas fotovoltaicos

Por fim, se você gostou do conteúdo sobre a geração distribuída no Brasil, apoie o Setor Fotovoltaico Brasileiro, deixe seu like e compartilhe! Em seguida, não se esqueça também de seguir a Oca Solar Energia nas redes sociais.
Te espero lá!

Thuany Santos
Jornalista
(16) 3011 – 0547
thuany.nascimento@ocaenergia.com
Oca News: veja as principais notícias e eventos da semana 02 de Março de 2021

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *